BRAVAL

BRAVAL_1

A Braval – Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos, S.A., é uma empresa que procede à valorização e tratamento dos resíduos sólidos, no Baixo Cávado.

A 6 de Agosto de 1996, pelo Decreto-Lei n.º 117/96, foi criado o sistema multimunicipal de triagem, recolha seletiva, valorização e tratamento de resíduos sólidos urbanos do Baixo Cávado, integrando, como utilizadores originários, os municípios de Braga, Póvoa de Lanhoso e Vieira do Minho.

A sociedade Braval – Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos, S.A., foi também constituída com base no referido decreto-lei, tendo o contrato de concessão sido celebrado a 9 de Outubro de 1996.

Em 1999, o Decreto-Lei n.º 471/99, de 6 de Novembro, permitiu o alargamento deste sistema aos municípios de Amares, Vila Verde e Terras de Bouro, extinguindo o sistema multimunicipal de triagem, valorização e tratamento de resíduos sólidos urbanos do Cávado-Homem.

Assim, o aterro sanitário da Braval recebe, atualmente, resíduos provenientes dos 6 municípios referidos: Braga, Póvoa de Lanhoso, Vieira do Minho, Amares, Vila Verde e Terras de Bouro.

O sistema Braval abrange uma área total de 1.121 km2 e uma população de 275.139 habitantes que produz, sensivelmente, 100 mil toneladas/ano (em média cada habitante produz 0,97 kg/dia) de resíduos sólidos urbanos (RSU).

A Braval é Associada Fundadora da ESGRA, desde Novembro de 2009.